in , ,

E os veículos industriais?

 
Caros fãs,
 

Na minha opinião, o papel desempenhado por nosso país na história mundial da indústria automotiva é mais importante no campo dos veículos industriais do que em qualquer outro. As empresas espanholas mais importantes do sector que fundaram o seu desenvolvimento com base em tecnologia própria (La Hispano-Suiza, Pegaso, Barreiros) tiveram aqui a sua actividade principal; Birkigt e Ricart devotaram muito de sua genialidade ao design de caminhões, "viajantes" e outros veículos comerciais.

Acredito também que a fabricação de veículos industriais tem sido a contribuição mais relevante desse setor para a história do nosso país: O tráfego rodoviário de pessoas e mercadorias (a maioria num país com uma orografia complicada como a nossa) caiu desde o início e prioritariamente nestes veículos nacionais, que durante inúmeros anos se mostraram os mais bem preparados para enfrentar a aspereza singular das nossas estradas .

Apesar do que foi dito e do crescente gosto dos hispânicos pela conservação de veículos de outros tempos, O PARQUE ESPANHOL DE VEÍCULOS HISTÓRICOS INDUSTRIAIS ESTÁ EM SÉRIO PERIGO. As causas deste paradoxo são várias e, infelizmente, justificam plenamente esta situação: a necessidade de muito espaço, seguro muito caro (concebido para riscos totalmente diversos), a necessidade de carta de condução especial e minoritária, fazer o restauro e manutenção de um desses veículos em um teste de abnegação (ao invés de hobby) que poucos fãs se atrevem a dar. Este pequeno número acarreta outras desvantagens importantes, como a falta de clubes (e, portanto, a compreensão e o apoio que essas organizações oferecem) e a pouquíssima atenção que veículos históricos desse tipo recebem da imprensa especializada.

ENTRE TODOS NÓS, DEVEMOS FAZER O QUE PODEMOS PARA REVERTER ESTA SITUAÇÃO! E ASSIM POR DIANTE! Muito já se perdeu, mas se a tendência não mudar rápida e radicalmente, NADA RESTARÁ A MANTER nesta importante área.

De nossa parte, listamos agora as medidas que planejamos para contribuir com esse esforço:
 

buspegasus

SEGURO ESPECIAL PARA VEÍCULOS HISTÓRICOS INDUSTRIAIS
 

2º- ESTUDAR E PROMOVER A CRIAÇÃO DE ESPAÇOS ADEQUADOS E ACESSÍVEIS PARA ACOLHER ESTES «GIGANTES»

Uma coisa é sacrificar parte da garagem da casa ou da garagem de uma casa rural para abrigar um trator ou uma van velha, e outra completamente diferente é encontrar estacionamento permanente para um ônibus de 50 lugares ou um caminhão-tanque.

Todas as grandes cidades possuem infraestruturas públicas e privadas nas quais talvez se pudesse reservar um “buraco” para preservar a nossa história industrial.

De momento é apenas uma ideia, mas juntos podemos dar-lhe forma. Agradeço se algum de vocês tiver responsabilidades ou contatos no setor de transporte público / privado, envie-nos a sua opinião sobre esta ideia.
 

3º- APOIAR E DIVULGAR A EXISTÊNCIA DE CLUBES, ENTIDADES E PESSOAS DISPOSTAS A APOIAR AOS FÃS QUE OUSAREM RESTAURAR UM VEÍCULO INDUSTRIAL.

Temos que tentar mitigar o isolamento e a sensação de incompreensão e falta de apoio em que muitos fãs em potencial desses veículos se movem (ambiente muito semelhante ao que sofriam os primeiros fãs dos clássicos no início dos anos setenta). Este não é um ambiente propício para o florescimento das iniciativas exigidas por esses veículos.

Para este fim, criamos uma nova seção na Lista de Clubes dedicado a este tipo de veículo e no qual, excepcionalmente, faremos eco de TODAS as iniciativas que visam tornar mais suportável a conservação destes gigantes (sejam ou não oriundos de clubes e associações).
 

4º- CONVIDE TODOS A COLABORAR NESTA TAREFA URGENTE.

(Entre outras coisas, não se esqueça de nos avisar de qualquer veículo que possa estar procurando um "pai")

 
Atenciosamente,
 
 
Sergio Romagosa

O que você acha?

Sergio Romagosa

Escrito por Sergio Romagosa

Sergio Romagosa desenhou em 1988 o primeiro seguro especial espanhol para veículos clássicos e vintage. Da mesma forma, em 1996 fundou "La Escudería", o primeiro portal hispânico para os amantes de veículos históricos. Ele fez do seu hobby a sua profissão e na sua garagem podemos encontrar desde um Lancia Gamma Coupé a um Morgan Three Wheeler. Um otimista recalcitrante, para ele nossos preciosos potes são um patrimônio cultural que deve ser preservado e defendido como tal.

Comentários

Assine o boletim informativo

Uma vez por mês em seu correio.

Muito obrigado! Não se esqueça de confirmar sua inscrição através do e-mail que acabamos de enviar.

Algo deu errado. Por favor, tente novamente.

51kfãs
1.7kSeguidores
2.4kSeguidores
3.2kSeguidores